O provável futuro do capital

Não é necessário acompanhar o mercado para conhecer o Bitcoin.

Certamente você já ouviu falar ou possui algum capital investido nessa moeda digital.

Mas ela não está sozinha, o mercado de criptomoedas cresce mais a cada dia e tem conquistado cada vez mais espaço na carteira dos investidores.

E para te ajudar entender um pouco melhor sobre essa “nova” tendência que pode inclusive transformar a forma como compramos no dia a dia, desenvolvemos esse artigo.

Aqui, responderemos as seguintes perguntas:

  • Qual a diferença da moeda para criptomoeda?
  • O que são criptomoedas?
  • Para que servem?
  • O que é mineração?
  • O que é Blockchain?

Criptomoedas: o que são?

As criptomoedas de forma resumida, são moedas como todas as outras moedas que usamos no cotidiano.

Com o diferencial de existir somente no digital e não depender de nenhum governo para ser emitida, por isso são caracterizadas como descentralizadas.

E por serem descentralizadas, são criadas em uma rede de blockchain a partir de sistemas sofisticados de criptografia que garantem e protegem as transações.

Fazendo o uso de uma analogia feita por Fernando Ulrich podemos entender melhor sobre essa nova tendência:

“O que o e-mail fez com a informação, o Bitcoin fará com o dinheiro”

Ou seja, a principal diferença das criptomoedas para as moedas tradicionais é a eliminação da necessidade de um intermediário.

O que é Blockchain?

A Blockchain vai muito além da possibilidade de transacionar criptomoedas, muitos especialistas na área consideram como a inovação tecnológica mais importante desde a criação da internet.

Essa tecnologia pode ser descrita como um livro contábil público.

Ela trabalha de forma segura como um banco de dados transparente e imutável, ou seja, não é possível alterar dados que já foram aprovados, somente novos registros.

Por ser descentralizada, a blockchain só conclui um registro após todos os computadores da rede aprovarem as informações.

Mas como a blockchain e as criptomoedas estão relacionadas?

A resposta para essa pergunta é: Mineração.

Acompanhe!

O que é mineração: Criptomoedas

Mineração de criptomoedas de forma resumida é o processo de validação e inclusão de novas transações na blockchain.

Apesar da necessidade da autenticação de todos os computadores ligados a rede para concluir uma transação, a formação de um bloco pode ser feita apenas por um.

E esse bloco será inserido na cadeia junto aos outros.

Ao juntar todos os dados para formar um bloco será disponibilizado uma digital que deve ser compatível com o bloco anterior.

Quando o bloco é formado, é registrado na cadeia e o computador que executou o trabalho recebe uma certa quantidade de criptomoedas.

Por exemplo:

Imagine que um usuário X enviou uma parte de criptomoedas para um usuário Y, essa transferência fica registrada na blockchain: algo semelhante a um cofre.

Esse “cofre” ao ficar cheio precisa ser “selado” com um identificador, ou seja, o Hash, que funciona como um cadeado.

Quem fica responsável de colocar o “cadeado” no “cofre” são os mineradores. E em troca eles recebem uma recompensa pelo trabalho.

Afinal, para que servem as criptomoedas?

As criptomoedas podem ser utilizadas com a mesma finalidade do dinheiro físico.

Atualmente, por estarem ganhando a confiança dos investidores e sendo reconhecida em meio a população de modo geral, estão sendo utilizadas inclusive para meio de troca, para a compra de produtos e a contratação de serviços.

Além disso, também são utilizadas como alternativa para diversificar a carteira de investimentos.

Isso porque os investidores passaram a enxergar as criptomoedas como uma ótima possibilidade de reserva de valor.

Principais criptomoedas atuantes no mercado

  • Bitcoin
  • Ethereum
  • Tether
  • Litecoin
  • Dogecoin

Conclusão

Por fim, é notável a complexidade do ecossistema em volta das criptomoedas e da sua capacidade de dominar o mercado.

É importante ressaltar que não estou fazendo indicações de investimentos. Contudo, espero ter ajudado você a entender um pouco melhor do universo de criptoativos.

Caso você tenha investido e ainda não sabe se precisa declarar em seu Imposto de Renda, visite nosso blog.

Se inscreva para receber novas publicações

Recebemos sua inscrição, obrigado.
Ocorreu um erro ao tentar enviar. Por favor, tente novamente.

Continue lendo

Tenha um consultoria especializada

Somente para empresas e pessoas que entendem o valor do contador presente nas organizações

(31) 4042-6942
(31) 99994-4305

Fale conosco